sábado, 31 de julho de 2010

Convenção a todo vapor

Nos informou o coordenador da 18ªRT, Julio Saraiva que a 75ª Convenção está a todo vapor. Ele promete contar todas as novidades e tudo está sendo aprovado, nos próximos dias.

sexta-feira, 30 de julho de 2010

O Rio Grande Delas esteve na Estância

Noite do pampa. leandro Amaro na percussão.

(da esq. para a direita um dos grandes chuleadores do Rio Grande Leandro Amaro, hoje responsável pela coreografia do CTG, Cheila martinez e Marcio Santos, gaiteiro vencedor e jurado de vários festivais de música no RS, sua familia é uma das fundadoras do CTG Rodeio da Fronteira, Dom Pedrito)

O blog teve o prazer de ser convidado para matear ao pé do fogo de chão com os Tapejaras. Grupo de Danças do CTG Estância Gaúcha do Planalto, Brasília. Verdadeiro reencontro com gaúchos de alma e de coração. Todos querendo saber de nossas origens e vivências dentro do Movimento. Mais um grupo de amigos que estão de cavalo pela rédea conosco, prendas do Rio Grande. Pois é agora temos uma extensão de nossa casa nesta entidade. A Patroa Maria Cleusa foi uma das fundadoras do CTG Estância do Minuano, em Santa Maria.
Gracias companheiros!

São Gabriel começa a receber tradicionalistas

Segundo o presidente da Comissão Executiva da 75ª Convenção Tradicionalista, Jorge da Silva Soares e o Coordenador da 18ª RT Julio Saraiva, tradicionalistas já começam a chegar em São Gabriel para discutir várias propostas. Uma delas é considerada polêmica. Refere-se a mudança de idade para participantes do ENART de 15 para 14 anos. A Convenção acontece no CTG Caiboaté e vai até domingo (1º de setembro).

Fronteira seca “Louca de campeira” comemora 187 anos

A cidade Símbolo do Mercosul foi fundada em 30 de julho de 1823. A Fronteira de Paz nasceu em um período de guerras, quando os limites territoriais ainda eram defendidos por meio das armas. Sant’Ana do Livramento situa-se na fronteira do Brasil com o Uruguai; do outro lado da divisa seca (uma rua urbana) situa-se Rivera. É um dos municípios mais antigos, históricos e de maior em extensão territorial do RS. A atividade principal é a pecuária (ovina e bovina), seguida pela agricultura (arroz e soja) bem como a fruticultura, com ênfase na produção de pêras, pêssegos, uvas viníferas e de mesa (em início), ameixas, morangos, melancia (exportando toneladas para São Paulo), mamão, melão, entre outras frutíferas. Há também uma bacia leiteira que tem o potencial de atingir um mínimo de 2 milhões de litros por mês, dada a qualidade dos rebanhos, Jersey e Holandês, sobretudo. Livramento registra mais de 100 quilômetros de faixa de fronteira seca - divisa com o Uruguai, onde seus moradores costumam falar o “portunhol”, assumindo uma identidade cultural peculiar do povo fronteiriço. Nosso blog leva no lombo dos arreios um abraço de força e coragem ao povo santanense. Terra das prendas do Rio Grande Ieda Maria Ávila, Ana Claudia, Cristiane Furtado, Lucilane Taborda, Alessandra Quines e Raquel Pinheiro.

104 anos do Alegretense que tocou os corações...Mário Quintana

O Blog presta homenagem ao poeta Mário Quintana. Um ser de alma tão profunda, de versos de um significado sem igual e uma linguam subliminar. Foi com o livro A Rua dos Cataventos que Quintana iniciou sua carreira de poeta. Em 1966 ganhou o Prêmio Fernando Chinaglia da União Brasileira de Escritores de melhor livro do ano. Em 1976,ao completar setenta anos, recebeu a medalha Negrinho do Pastoreio do governo do estado do Rio Grande do Sul. Em 1980 recebeu o prêmio Machado de Assis, da ABL, pelo conjunto da obra. Assim, pedimos licença para transcrever alguns versos. Gracias ao Alegrete, ao Rio grande e a vida por nos dar mais uma estrela no ceu do Rio Grande.
Ah! Os relógios

Amigos, não consultem os relógios

quando um dia eu me for de vossas vidas

em seus fúteis problemas tão perdidas

que até parecem mais uns necrológios...

Porque o tempo é uma invenção da morte:

não o conhece a vida - a verdadeira -

em que basta um momento de poesia

para nos dar a eternidade inteira.

Inteira, sim, porque essa vida eterna

somente por si mesma é dividida:

não cabe, a cada qual, uma porção.

E os Anjos entreolham-se espantados

quando alguém - ao voltar a si da vida -

acaso lhes indaga que horas são...

fonte: www.estado.rs.gov.br/marioquintana

Gracias Wilmar Vila de Menezes - Querência FM

Nosso abraço ao tradicionaslita e radialista da fronteira Wilmar Vila de Menezes e ao Compositor Newton Ferreira. No programa que foi ao ar ontem (29), pela Querência FM, Sant'Ana do Livramento, dentre vários assuntos eles falaram sobre o blog e a divulgação da cultura gaúcha. Segundo Vila (como é carinhosamente chamado) "o Blog O Riogrande Delas representa também as terras, ás águas, a alma e a vida, por isso, segundo ele, o nome é tão significativo." Agradecemos pelo apoio. Certamente uma visão bem ampliada da vida e do mundo.

terça-feira, 27 de julho de 2010

Mais prendas se aprochegam ao fogo...

Um buenas para Patricia Menti, Natiele Falcão, Bruna e Gabriela Tiecher, Caroline Viana, Aimara Bolsi, Venissa Aguirre, Tati Mazotti, Cristiane Gomes, Lídia Ceres e Itabiane Mello. Fiquem com a gente!

30 anos de história e tributo a música

Gracias ao Prefeito de Cruz Alta, amigo Wilson e ao Secretário de Cultura Alex Della Méa, pelo convite para participarmos dos 30 anos da Coxilha Nativista. Cruz Alta que se originou de um pouso de tropeiros, da lenda da panelinha e terra do inesquecível Érico Verríssimo, está recebendo a todos com um chimarrão bem cevado e um abraço fraterno, até o próximo domingo. O festival valoriza os talentos locais e incentiva os jovens, através da Coxilha Piá. "Quem bebe a água da panelinha, sempre, retorna a Cruz Alta". Parabéns a este povo tão aguerrido e que se conserva firme no estrivo, na luta pela preservação de nossas raizes culturais e musicais. O blog reverencia através da figura do lendário tropeiro Alfredo Freitas da Luz, todos aqueles que longe ou perto, amam a terra de Cruz Alta.

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Sucesso da Caminhada das Vitoriosas

Porto Alegre ficou cor-de-rosa ontem. Mulheres que venceram o câncer de mama, familiares, amigos e profissionais da saúde participaram nesse domingo da Caminhada das Vitoriosas 2010. O blog esteve lá, aguardem as fotos... Também prestigiaram o evento, entre outros, o Prefeito e a primeira dama de Porto Alegre bem como a Coordenadora Estadual da Mulher, Maria Helena Gonzalez. Um número expressivo de pessoas não se intimidou com o tempo nublado e os chuviscos do início da manhã e caminhou contra o câncer de mama. A massa foi animada pela apresentadora Liliana Cardoso. De acordo com o IMAMA, o câncer de mama pode ter chances de cura de até 95%, se descoberto cedo, mas as mulheres ainda não estão conscientes da importância da prevenção. Temos que lutar para que as gaúchas rompam os preconceitos e previnam-se contra esta doença. Vamos lá!

Ser prenda pra gente... É regalo de Deus...

Coquetel que antecedeu a homenagem em Santa Maria: (da esq. para a dir.) Janine Appel, Gisele Felício, Anijane Varela, Ciro Winck, Elisangela Reghelin, Tiziana Boll, Adriana Bitsck, Marilia Dornelles, Mariana Mallmann, Muriel Gaio, Patrícia Ruschel, Priscila Peixoto, Mari Sandra Petry

Passados 40 anos e ainda fazemos historia, através das prendas... Estas jóias da cultura gaúcha desenvolvem seu conhecimento, buscando ser prendas do Rio Grande do Sul.

Para o Movimento Tradicionalista Gaúcho a importância das prendas para a construção da cultura gaúcha transcende ao tempo. Através de seus projetos e trabalhos em prol das tradições gaúchas, envolvendo família, entidade, regiões e seus municípios a fazem a maior divulgadora do nosso trabalho.

Como vice-presidente de cultura do MTG /RS, sou uma eterna defensora das “eternas” prendas e a minha própria historia dentro das tradições esta intimamente vinculada a elas.

Através do trabalho que desenvolvi nesta área é que construí minha vida tradicionalista.

No meu dia a dia muito das minhas ações são voltadas para o trabalho com as prendas e peões, organizando eventos, estabelecendo diretrizes de trabalho, respondendo e-mails com duvidas.

Todos os eventos do MTG estão relacionados com as atividades das prendas.

O trabalho delas passa por todas as áreas do MTG - quando da realização de uma mostra o trabalho passa para a pesquisa e depois para a biblioteca. O trabalho normalmente é apresentado em um evento (onde elas tem atividades ) e as diretrizes são passadas pela cultura interna visando os concurso. Assim, como uma roda elas fazem todos os setores da cultura atuarem direta e indiretamente sob suas atividades.

Não resta duvidas de sua importância... precisamos é incentivá-las mais e principalmente valoriza-las.

Temos a certeza que... Para nós, prenda é regalo de Deus...

Marilia Dornelles

Vice-presidente Cultura MTG /RS

Convenção Tradicionalista

Agradecemos a Comissão Executiva da Convenção Tradicionalista, que tem como presidente Jorge da Silva Soares e o vice-presidente João Francisco Munhoz Gros, bem como o Coordenador da 18ª RT Julio Saraiva e, a patronagem do CTG Caiboaté pelo convite para participar da Convenção Tradicionalista, na Terra dos Marechais, São Gabriel. O Blog estará representado naquela linda terra! Assim, como esteve na caminhada das vitoriosas, neste final de semana, aguardem notícias.
Gracias companheiros!

Festmirim evento criado por crianças

Aconteceu neste domingo (25), no CPF Piá do Sul, em Santa Maria o 16º Festmirim. Evento que foi criado pela 1ª Prenda Mirim, Daniela Sauzem Ilha, há dezesseis anos. O encontro reúne crianças de todo o Estado. Os jovenzinhos declamam, cantam, dançam chula, tocam instrumentos musicais e em anos anteriores era escolhida uma prendinha para representar o Festmirim, durante o ano inteiro, uma espécie de divulgadora do evento. Este ano o Festmirim contou com a participação de cerca de mil crianças. Todos reunidos em torno da tradição gaúcha. O vencedor da modalidade de danças foi o CTG Aldeia dos Anjos de Gravatai, 1ªRT. A entidade é tri-campeã do Festmirim. A informação foi dada pela Diretora Cultural, Rose Feltrim. Em breve, ela prometeu, enviar as fotografias do evento.

domingo, 25 de julho de 2010

ClicRBS Livramento...Veja e aproveite!

Responsável pelo ClicRBS Livramento, Lucia Righi, que divulga notícias de nossa fronteira comentou o lançamento do nosso blog. Confira!
15:41Blog divulga cultura do Rio Grande do Sul Está no ar o blog oriograndedelas.blogspot.com , destinado a divulgar a cultura do Rio Grande do Sul. São mulheres da capital, serra, litoral, fronteira, missões e centro do Rio Grande do Sul que tomaram as rédeas do projeto.Uma santanense é uma das patroas do Blog: Ana Claudia Feltrim, que foi 1ª Prenda do Rio Grande do Sul em 1986. O novo canal foi criado depois da homenagem aos 40 anos do concurso de prendas do RS, que culminou com a homenagem recebida pelas prendas, inclusive pela santanense, na Assembléia Legislativa do RS. Será ultilizado para divulgar idéias e debater assuntos do tradicionalismo e de tudo o que envolve o Estado. Acesse clicRBS/Livramento E ainda nos deixou um chasque no e-mail oriograndedelas@gmail.com "Gurias quando tiverem notícias de nossa terra enviem".

sábado, 24 de julho de 2010

Chasques do tempo e dos anjos

Olá. terei o maior prazer em auxilar...apesar de afastada das minhas atividades tradicionalistas nunca deixei de ter em mente todos os valores praticados nesta lindíssima escola do tradicionalimo! um forte abraço Tati Mazzotti 3ª prenda do rs 98/99 vige .. faz tempo!!!
Olá queridas! Eu, mesmo estando tão próxima, muitas vezes me sinto tão distante de tudo isso que vivi e agora, recebendo os emails de vocês, vejo que tudo ainda é muito vivo! Atualmente sou solista no musical do CTG Aldeia dos Anjos e temos muitos compromissos, porém será sempre um grande prazer auxiliá-las no que for possível. Quero parabenizá-las por mais essa iniciativa de aproximar as prendas e manter tão vivo tudo o que nos enche de orgulho...nosso tradicionalismo, nossas vivências e nossa própria história. Grande abraço à todas as prendas, mulheres, mães e meninas que fazem o Rio Grande ser o que é!! Beijos, Cristiane Gomes

sexta-feira, 23 de julho de 2010

Co-irmão

O Rio Grande Delas sugere a leitura do blog das prendas e peões estaduais no endereço: http://prendasepeoesdors.blogspot.com/ Lá são postadas mensagens e relatos atualizados das andanças dos atuais representantes da juventude tradicionalista. É o tradicional aliado à novas tecnologias!

Lembrete: Museu do MTG

Vale lembrar que está sendo organizado o tão esperado Museu do MTG, conforme ofício acima transcrito. Nele, a ser instalado no prédio anexo à Fundação Cultural Gaúcha, será contada a história do MTG, destacando a participação dos "Pioneiros" e das Prendas do Rio Grande do Sul. Para tanto, como lembra o companheiro Fraga Cirne, responsável pelo trabalho, solicita-se às ex-prendas estaduais a doação de um objeto pessoal e tradicionalista, com o respectivo histórico (texto de oito a dez linhas) para fazer parte do acervo que dará forma ao museu. É isso aí, gurias, mais um passo está sendo dado para a conservação de nosso patrimônio histórico. Sabemos que muitos se empenharam ao longo das últimas décadas para que esse sonho se concretizasse. Vamos colaborar e deixar mais esta marca dentro do Tradicionalismo.

Entrevista com a doce Lauri - coordenadora da 8ªRT

Fico contente com a iniciativa de vocês. Acredito que somente divulgando o tradicionalismo e a Cultura do nosso Estado é que conseguimos manter acesa esta chama preservando a essência. Desde já me coloco à disposição para o que precisar.
1)–Como é ser coordenadora de uma região que fica na rota dos tropeiros? Como é viver em Esmeralda? Ser Coordenadora da 8ª RT é gratificante. Sinto-me realizada no Tradicionalismo, pois não só Rota dos Tropeiros, como dos Pioneiros do Laço, dos Rodeios Internacionais e da Festa Nacional do Churrasco. Sinto-me Anita de outrora, trazendo a essência, sendo herdeira dos valores e guardiã da cultura. Faço da história do Rio Grande, minha própria história. Não é o título que me faz coordenadora, e sim o comprometimento com a tradição, o amor pelo que é nosso e a certeza de que nada é em vão.Se não vivesse aqui seria o local que escolheria para passar o restante da vida. Cidade pequena, aconchegante, ar puro, pouca violência e a tradição gaúcha ainda não foi esquecida.
2)Hoje há mais participação do jovem no Movimento?Sim. Nota-se grande procura no setor artístico e Campeiro não só dos jovens, mas também de crianças incentivadas por pais e avós.
3)Relate um momento marcante de sua estada no Movimento? Um dos momentos mais marcantes que ficará para sempre em minha memória, foi quando a invernada artística do meu CTG do coração “Pioneiros do Laço”, conquistou o 1º Lugar na categoria juvenil no 28º Rodeio Crioulo Internacional de Vacaria. Após 43 anos de trabalho e esforço dedicado a esta Entidade, como prenda, esposa de patrão, patroa, vice-coordenadora e agora como coordenadora, sempre incentivando e colaborando com este segmento, sinto – me vitoriosa.
"Queridos Jovens. Não deixem morrer a tradição gaúcha! Estejam atentos às mudanças, mas não esqueçam os princípios de liberdade, igualdade e humanidade que marcam a cultura e a tradição do povo Gaúcho! É necessário que vocês, jovens, reaprendam a alegria de viver, curtindo as delícias da aurora da vida e saibam que o tempo de vocês, é o de descobrir o valor da amizade e da ternura. Isto vocês encontram dentro de um CTG, Onde passam a cultuar os mesmos ideais".
Mensagem que encerrou a entrevista.

quinta-feira, 22 de julho de 2010

CTG abriga pessoas em Canela

CTG Querência, em Canela. Localizado na rua Visconde de Mauá, 301, fone: 54 3282-2666), atrás da Catedral de Pedra. Abriga as pessoas que sofreram com a destruição desta madrugada. O CTG também é posto de coleta: são aceitos cobertores e colchões, materiais de construção e roupas. Exemplo! Vamos reler a Carta de Princípios Vamos ajudar!

Elisangela Reghelin publica livro.

Após três anos de pesquisas, a querida Elisangela Reghelin, 1ª Prenda do Rio Grande do Sul, 1995/1996, lança a obra "Crimes Sexuais Violentos: tendências punitivas" no próximo dia 16 de agosto, às 19 horas, na Livraria Cultura, em Porto Alegre. O blog estará prestigiando "nossa delegada de polícia", e conclamamos quem mais estiver na cidade para lá chegar, pegar seu autógrafo e, juntas, confraternizarmos nesse momento tão especial. Parabéns para a Elis e para a sociedade que ganha uma novo livro abordando formas de resolução de um grave problema dos dias atuais!

Prendas manifestam seu apoio

Outras ex-prendas estaduais manifestaram seu apoio à luta contra o câncer de mama. Agradecemos sinceramente os chasques da Aimara, da Anijane e da Lídia: "Olá. Infelizmente não poderei estar presente na caminhada devido a compromissos já assumidos anteriormente. Mas o objetivo é muito pertinente pois sei o quanto é importante o acompanhamento semestral, quando não bimestral, com ecografias e as tomadas rápidas de decisões quando necessárias, pois neste caso o tempo pode ser aliado ou não. Boa caminhada e postem as fotos, por favor. bjs, Aimara" "Parabéns pelo Blog!!!! Adoraria participar da Caminhada das Vitoriosas, mas a distância e os projetos profissionais me dificultam de comparecer. Desejo sucesso a vocês e peço que não deixem de mandar-me notícias sobre as atividades aí no Rio Grande!!! Um fraterno abraço!!! Anijane" "Bonito e muito relevante esse evento, desejo todo o sucesso para o mesmo." Bjs Lidia

quarta-feira, 21 de julho de 2010

Mulheres mineiras e as boas-vindas às mulheres do Sul

Costuma-se dizer aqui em Minas que as coisas são definidas de maneira simples: Ou o trem tá bão ou o trem tá ruim! Mas também costumamos dizer que está “manemenos” é isso mesmo o “nosso” mais ou menos” E para mulher mineira se o “ trem tá bão” é porque a vida está em harmonia, tranqüila; filhos crescendo, estudando, trabalhando, despensa cheia e com muito polvilho e ovos caipira para os deliciosos pães de queijo. marido alegre, reclamando pouco – homem mineiro é reclamão-, casa cheia de amigos e parentes e a saúde está em ordem. Uh! Que trem bão! O Contrário disso o trem ta ruim....muito ruim! E se parte disso foi afetada ai entra o manemenos É claro que estou descrevendo minha mãe, minha avó, tias e primas mais velhas. A verdade é que as mulheres mineiras, como qualquer mulher brasileira atualmente não está só preocupada com o micro-mundo de seu lar. Além desta fronteira elas estão batalhando por reconhecimento profissional, estudando, antenadas com o seu tempo, preocupadas em cuidar da família e principalmente ser muito feliz. Longe de ser somente a lenda romântica da cuidadora da família, ela está antenada com os acontecimentos do mundo, em conhecer e vivenciar culturas diferentes, em construir sua história na sociedade, na política, na economia e em participar ativamente da construção de um mundo mais justo e harmônico. Logicamente, isso tudo, em meio a uma vaidade simples, discreta. Porque ninguém resiste aos apelos dos cremes milagrosos, dos sais de banho que descansam,aos últimos lançamentos das revistas de modas, as viagens pra Paris, Nova York e Grécia...a essa futilidade necessária para enfrentar a loucura de ser mulher nessa vida. E como é bom se enfeitar para o homem amado! Conquistar, deixar ser conquistada, amar sempre como se fosse a primeira grande paixão da vida! Mineira é intensa, gosta de se aventurar, de sair da zona de conforto, porém sem nunca tirar o pé do chão! Como disse, nada diferente de qualquer mulher brasileira: esse poço de contradições de quem precisa enfrentar a vida de frente. Por isso aqui das montanhas de Minas Gerais enviamos toda força e coragem para estas gaúchas que abrem mais um canal de comunicação e quem sabe um dia poderemos, através, do blog oriograndedelas, vivenciar experiências de todas as mulheres deste Brasil. Recebam um grande abraço! Marize Borges Mestre em Educação pela Universidade da Espanha. Querida marize, gracias pelo carinho e pela divulgação. Claro que estamos juntas na defesa da vida e da essência.

Caminhada das Vitoriosas

O blog prestigiará neste domingo a 6ª Caminhada das Vitoriosas, promovido pelo Instituto da Mama (Imama) do Estado em alusão ao Dia Estadual da Luta Contra o Câncer de Mama (18 de julho). O evento, comandado pela Dra. Maira Caleffi, ocorreria no dia 12 de julho, mas, em função do mau tempo, foi transferido para o dia 25, com saída do Parcão, às 10 horas, em direção à Redenção, em Porto Alegre.
A caminhada, que contará também com a presença da declamadora Liliana Cardoso, reúne mulheres que venceram o câncer de mama, além de amigos, familiares, profissionais da saúde e a comunidade em geral. Outras informações: www.imama.org.br ou 3264-3000.
Achamos super importante nós nos engajarmos na luta contra o câncer de mama, que é uma das causas mais frequentes de morte por câncer na mulher, especialmente aqui no Sul, embora existam meios de detecção precoce que apresentam boa eficiência (exame clínico e auto-exame, mamografia e ultrassonografia). Temos que nos conscientizar sobre isso e comemorar a cura de todas aquelas que lutaram contra essa terrível doença e venceram! A 1ª Prenda do Rio Grande do Sul lamentou não poder estar presente em virtude de já ter confirmado presença na tradicional "Recepção às Prendas Estaduais" promovida pela Sra. Iolanda Banunas, em Carazinho. Deixou a seguinte mensagem: "Desejo um ótimo evento, com muito sucesso e parabenizo pela iniciativa, pois é um tema muito pertinente e que exige sempre muita conscientização e iniciativa. Parabéns e muito obrigada pelo convite. Um Beijo, Adriane"

Relato emocionado de Bibiana

Olá, gurias, Gostaria de parabenizá-las pelo blog e pela excelente iniciativa, já está nos meus favoritos, para mim que estou longe é uma forma de seguir as noticias do nosso amado Rio Grande. Adorei ler os artigos referente as homenagens pelos 40 anos de ciranda cultural de prendas, foi emocionante ler o relatado desse momento importante feito por uma de nós. Parabéns mais uma vez. Um Abraço, Bibiana Bortoluzzi

Chasque de Sant'Ana do Livramento...Lanceiros negros

Museu conserva arma do chefe dos Lanceiros Negros em seu acervo Após 175 anos da Revolução Farroupilha, o Museo Sin Fronteras conserva o facão que pertenceu a Joaquim Teixeira Nunes, chefe do corpo de Lanceiros Negros. O guerreiro foi morto por uma lança do alferes Manduca Rodrigues e degolado por Eliseu de Freitas, na Batalha de Arroio Grande, em 26 de novembro de 1844 - último combate farroupilha em território Riograndense. Seu cavalo encilhado foi vendido ao cabo Mariano e o relógio, com uma grossa corrente de ouro, ao Capitão Carneiro. A grande maioria dos farroupilhas vencidos, morreram pela ação das armas. Fação de Manduca Rodrigues, exposto no Museo Sin Fronteras, em Rivera. A Intendência Departamental de Rivera, conjuntamente com a prefeitura de Santana do Livramento, estão realizando contatos para criar o “Primeiro Museu Internacional do Mercosul”, que será o primeiro museu binacional do mundo, como embaixador da paz, levará exposições a distintas cidades que o solicitarem.
Enviado por Lucia Righi

terça-feira, 20 de julho de 2010

Dia Internacional da Amizade

Hoje é dia de lembrarmos de sermos nossos amigos. De evitarmos discórdias, de valorizarmos pessoas que passam por nossas vidas e sempre deixam algo de bom. De aprender a ver o mundo com olhos de amor e paz. De ser amigo do nosso Movimento, lutar por ele e vivenciar a sua essência, desde quando cevamos um mate até quando abrimos o peito para falar em Rio Grande. Que felizes sejam todos os dias de todos os amigos do coração, da alma, da lealdade e claro, da fraternidade.

A alma cantora do Alegrete...Shana Muller

Fiquei muito feliz quando soube deste canal de comunicação e de tantos acontecimentos dos últimos tempos valorizando a história das prendas do Rio Grande. sou muito orgulhosa por fazer parte desta história e por onde ando conto que a música entrou em minha vida pelo desejo de ser Primeira Prenda. Hoje a música regional é minha vida. Por ela trabalho com a convicção de cantar o lugar de onde venho. Quiçá possa levar a filha que um dia venha a ter ao CtG e com ela dar os primeiros passos de amor à cultura gaúcha. Contem comigo. um beijo meu blog é www.shanamuller.blogspot.com Shana Muller shana@shanamuller.com.br www.shanamuller.com.br

segunda-feira, 19 de julho de 2010

A humildade de Laura Guarany

O CPF Piá do Sul foi presenteado pela voz e a beleza de Laura Guarany, filha do inesquecível Noel Guarany. Laura demonstrou todo o amor pela terra e pelo tradicionalismo, esteve em Santa Maria, no último final de semana e gratuitamente cantou para os jovens na entidade acima citada. Laura lembrou seu pai e a pura cepa missioneira. Exemplo de humildade e de amor. Parabéns!

Fazenda do Itu recebe tradicionalistas

A chuva e o frio não atrapalharam a solenidade de lançamento oficial do 63º Acendimento da Chama Crioula na histórica Fazenda do Itu no município de Itaqui nesse sábado.

Estiveram presentes representantes da diretoria do MTG, o Sr. Edemar Fischer, (acompanhado do Sr. Erival Bertolini e do Sr. Benjamim Feltrim), dirigentes de municípios vizinhos e diversas autoridades locais, que saudaram a grandiosidade e a significância da Chama Crioula para os gaúchos.

Ressaltando que a Chama este ano será internacional, a Presidente da Comissão Executiva, Renita Stieler, divulgou a programação (que pode ser consultada no site www.chamacrioula.com) que contará com um Seminário Cultural na tarde do dia 14 de agosto no Theatro Prezewodowski em que as prendas e os peões regionais apresentarão trabalhos sobre o que já foi feito sobre a chama crioula nesses 63 anos.

Para abrilhantar ainda mais a festividade, o próprio autor da música tema do acendimento (em parceria com o poeta itaquiense João Sampaio e Valtair Behling), o cantor Érlon Péricles, executou a canção, contagiando o público presente que acabou improvisando um '"bailezito". Veja a íntegra da gravação ao vivo captada pelo Professor Edson Nunes aqui.

A família Nicola (atual proprietária da Fazenda, que foi, por muitos anos, o refúgio de Getúlio Vargas) foi anfitriã do evento e a ela vai o agradecimento especial do Rio Grande.

Chasque Patricia Ludwig

Agradecemos o contato da 1ª Prenda do Rio Grande do Sul 1997/1998, Patricia Ludwig, a respeito do blog. Menciono, por email, o carinho muito especial que tem pelas muitas pessoas que compartilharam com ela o prendado. Em breve, notícias e entrevista com a prenda que reside atualmente no vizinho Estado de Santa Catarina.

sexta-feira, 16 de julho de 2010

Lançamento Oficial da Chama Crioula do Estado

Amanhã, dia 17 de julho, às 10 horas, acontecerá o Lançamento Oficial da 63º Acendimento da Chama Crioula do Estado na histórica Fazenda Itu, no interior do Município de Itaqui. O Blog estará prestigiando o evento a convite da Prefeitura, assim como na última semana, quando aconteceu a a solenidade de abertura da exposição sobre as potencialidades de Itaqui na Galeria dos Municípios da Assembléia Legislativa do Estado (na foto, o secretário Roger Villa, Elton Saldanha e Gisele Felício). Aproveitamos para reforçar o convite às prendas e aos peões regionais para participarem do Seminário Cultural " Chama Crioula: 1947 -2010" que será realizado na tarde do dia 14 de agosto, integrando a programação oficial do evento.

Patronagem Mirim

Hoje o CPF Piá do Sul, de Santa Maria, RS, fará a troca da sua “Patronagem Mirim” 2009/2010, eleita em maio de 2009 por voto direto da Patronagem “adulta” e que é composta por 14 integrantes entre meninos e meninas.

As mini patronagens foram objeto de proposição no 47º Congresso Tradicionalista Gaúcho, em Caxias do Sul, tendo como co-autora a 1ª prenda mirim do CTG Tropeiros da Amizade de Canguçu, RS, e têm como objetivo ser uma verdadeira escola de líderes e de reforço de autenticidade gaúcha.

A propósito do tema, entrevistamos, via email o Patrão Mirim do CPF Piá do Sul, Pedro Henrique Feltrim Carneiro, 13 anos:

Blog: Quais os motivos que te levaram a concorrer a Patrão?

Pedro: O amor pelo CPF Piá do Sul e, de alguma forma, para poder ajudar os demais que convivem comigo dentro do CTG.

Blog: Quais foram as realizações desta patronagem?

Pedro: Promovemos vários eventos, apenas como exemplo, poderia citar a “Oficina Chimarrão”, com a participação do tradicionalista José Severo Marques; a “Oficina Bocha e Truco”, por iniciativa dos diretores de esportes Luiza e Luckas Feltrin Lopes onde contamos com a colaboração das senhoras Marta Lopes e Iara Azevedo, na bocha, e dos peões Matias e Lucas, no truco. Para a semana farroupilha, confeccionamos painéis culturais e participamos de reuniões para organização do desfile do dia 20 de setembro, tudo sob orientação da Diretora Cultural Rose Feltrim. Também lançamos, juntamente com as prendas, a campanha “Crack, nem pensar”. Destacamos também o evento “Um dia no CTG” com alunos da Escola Rural João Hundertmaeck. O evento trouxe o CPF crianças carentes, para trabalharmos a inclusão social, valores éticos e culturais através de oficinas de brinquedos folclóricos, que foram feitos de material reciclado já ensinando a preservação do meio ambiente e contamos com apoio de várias pessoas não ligadas à nossa entidade. No dia do Gaúcho, 20 de setembro, no desfile gaúcho, o diretor campeiro e eu, conduzimos o desfile do CPF Piá do Sul ao lado do diretor campeiro adulto. Os demais integrantes desfilaram no caminhão da invernada mirim em homenagem a terceira capital farroupilha. Estivemos juntos com a invernada adulta na preparação para o ENART, onde houve várias atividades de cunho motivacional. Em quase todos os eventos do Piá doamos mudas e entregamos panfletos de conscientização O PLANETA ESTA MORRENDO. E VOCÊ, O QUE ESTÁ FAZENDO? Além disso. Participamos de vários programas de rádio, por exemplo, o Sr. Valdemar Roveda, no programa que vai ao ar pela Rádio Imembuí, recebeu nossa Patronagem Mirim no dia 11 de julho.

Blog: Qual era a relação entre vocês e a patronagem “adulta” do CPF?

Pedro: Uma relação entre grandes amigos que se ajudam dentro e fora da entidade. Temos apoio mútuo e trabalhamos juntos nas atividades da nossa entidade. Sempre fomos respeitados por eles e várias vezes fomos chamados a participar das reuniões da patronagem adulta. Aproveito para agradecer a eles, pois nos tornamos mais amigos e responsáveis.

Blog: Quais são os teus planos para o futuro dentro do tradicionalismo?

Pedro: Seguir dançando no CPF piá do sul e quem sabe um dia ser campeão do ENART.

Blog: Quem são as figuras tradicionalistas que tu mais admiras?

Pedro: “Tio” Ciro Ferreira que já nos deixou. Meu avô Benjamim Feltrim Neto. São tantas pessoas. Mas, quero também dizer que todos os integrantes da Patronagem Mirim 2009/2010.

Parabéns ao CPF Piá do Sul pelo incentivo às novas gerações, nos estritos termos de Barbosa Lessa e aos integrantes da Patronagem Mirim pelo trabalho digno de exemplo a todas as entidades tradicionalistas. Um projeto cultural desses, que nem tivemos como transcrever em sua integralidade, tantas eram as ações realizadas, deve ser imitado inclusive por patronagens “adultas”.

quinta-feira, 15 de julho de 2010

Sempre é bom encontrar quem a gente ama!

Lidia Ceres Silveira - agora - Estrela e Aimara Bolsi - agora - Vilani (foto gentilmente cedida pela Aimara)
Priscila Silveira, Cristiane Dall Cortivo e Patrícia Fabro - agora - Ruschel no coquetel oferecido pelo MTG na Assembleia Legislativa no dia 13 de julho (em foto gentilmente cedida pela Patrícia)

Reprodução da Réplica da Placa Comemorativa

(com autógrafos de algumas das prendas que estiveram na cerimônia)

Tradicionalistas de Sant'Ana do Livramento preparam Semana Farroupilha

O presidente do Instituto Gaúcho de Tradição e Folclore do Rio Grande do Sul (IGTF), Manoelito Savaris fez palestra sobre o desfile temático de 2010 para representantes de entidades tradicionalistas e membros da Comissão Organizadora da Semana Farroupilha, em Sant'Ana do livramento. O evento foi realizado nas dependências do DTG Lenço Branco, do Clube Cruzeiro do Sul. Segundo os participantes, durante a avaliação, foram eliminadas varias dúvidas sobre o tema deste ano: Farroupilhas: Ideais,Cidadania, Revolução! O próximo evento sobre desfile temático será dia 25 de julho, no CTG Presilha do Pago, onde Sergio Peixoto (que cria os carros do desfile temático de Porto Alegre) ensinará a colocar em prática a confecção dos carros temáticos em Sant’Ana do Livramento, principalmente ensinando técnicas de reaproveitamento de matéria. Fonte: Jornal A Platéia

Entrevista Zulma - Coordenadora da 19ª RT

1)Como é ser coordenadora da 19ª RT? Quantos municípios fazem parte da região? É ser comprometida com todo o desenvolvimento de ações tradicionalistas na região, numa dinâmica que busque congregar atividades que gerem efetivamente os princípios filosóficos do Movimento Tradicionalista Gaúcho. É bastante trabalho, pois a 19ª RT é composta por 30 municípios, com uma riqueza cultural diversificada, onde há uma miscigenação de várias etnias com seus grupos organizados. Enfim é ser gratificada também, por poder prestar um serviço social para uma região que estou aprendendo a conhece-la e admira-la . 2)Encontras alguma resistência por seres mulher? Na realidade não, mas em certas decisões , sinto-me de alguma maneira retraída , devido a herança que nós mulheres carregamos de uma sociedade onde as mulheres eram submissas aos homens chefes de família . Mas isso não impede de toma-las com firmeza , determinação e dinamismo. 3)Como está a participação dos jovens nas atividades do Movimento, em tua região? A participação dos jovens na região encontra-se limitada , pois não há uma participação efetiva das Entidades nos concursos de Peões e Prendas. No entanto está sendo realizado um trabalho de motivação com invernadas: pré – mirim, mirim e juvenil das Entidades Tradicionalistas, através dos Rodeios Artísticos, já incluso no calendário regional. 4)Que sugestões darias para o Movimento se aproximar mais da sociedade? Como educadora vejo a necessidade de uma aproximação maior do Movimento nas escolas , mas de forma que pudéssemos integrar os pais. Na tese “O Sentido e o Valor do Tradicionalista”, Barbosa Lessa diz: “ Deve o tradicionalismo, operar com intensidade no setor infantil ou educacional, para que o movimento não desapareça com a nossa geração”. 5)Na tua opinião o crescimento do Movimento é ordenado? Os concursos de prendas e peões tem se modificado ao longo dos tempos? há maior ou menor participação destes no Movimento? Eu o vejo de forma ordenada, porém me preocupa o despreparo de alguns patrões de nossas Entidades Tradicionalistas. Hoje não fizemos tradicionalismo somente para consumo interno, o Movimento reconhece o produto cultural de outras vertentes existentes na comunidade, é necessário que saibamos expandir qualitativamente e quantitativamente de forma a fortalecer os objetivos do Movimento. Quanto aos concursos de prendas e peões no meu ponto de vista modificaram-se sim, pois o Movimento por ser movimento ele é “vivo” e no transcorrer dessa vivência ele agrega as modificações dos tempos. Sendo assim há uma menor participação nos concursos , pois os tempos de hoje são uma busca constante do anseio de liberdade e de fuga das drogas e de outras culturas alienígenas. 6) Gostaria de deixar uma mensagem para as prendas e os jovens? Sejam Jovens Decididos. A firme determinação é como a corda de um relógio: atrás dos dois ponteiros que vão marcando os segundos e os minutos com precisão e serenidade , existe a corda que trabalha incessantemente, acionando o mecanismo do relógio. Assim também são os empreendimentos humanos: Mesmo quando as coisas parecem estar caminhando “por si mesmas” na mais perfeita ordem, existe atrás disso a ação da força de vontade das pessoas decididas a levar avante esse empreendimento. E quanto maior o empreendimento, maior é a ação da força de vontade dos que estão decididos a leva-lo avante. Os ponteiros do relógio não devem ficar oscilando, nem voltar para trás. Somente caminhando, incessantemente e com precisão é que eles estarão cumprindo a sua missão. Também o homem e a mulher uma vez que tiverem decidido o seu rumo, devem seguir avante com firme determinação, mesmo que venham a surgir opiniões contrárias ou circunstâncias adversas.

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Um Lindo Jardim

Faceirice à flor da pele... Fotos gentilmente cedidas pela 1ªPrenda do Rio Grande do Sul, Adriane Rebechi

Saiu na Agência de Notícias da AL

A Assembleia Legislativa homenageou o tradicionalismo gaúcho na noite desta terça-feira (13), em solenidade alusiva aos 40 anos do Concurso Estadual de Prendas do Movimento Tradicionalista Gaúcho (MTG). A premiação foi criada em 1970 para reverenciar a graça, a beleza e a cultura da mulher gaúcha. No Salão Júlio de Castilhos, o presidente Giovani Cherini (PDT) fez a entrega de uma placa comemorativa ao presidente do MTG, Oscar Fernandes Gress, e uma réplica da mesma placa em forma de diploma a todas as prendas presentes. Os deputados Marisa Formolo (PT) e Carlos Gomes (PRB) também prestigiaram a homenagem.

Cherini destacou que o concurso significa resgatar e valorizar a tradição gauchesca. “O MTG merece toda a nossa admiração e nosso apoio, porque cultivar a beleza da mulher gaúcha é valorizar toda a nossa história”, ressaltou. O presidente disse que a homenagem da Assembleia reconhece os 40 anos de trabalho que garantem a continuidade do tradicionalismo gaúcho.

A primeira prenda de 1973, Lidia Ceres Silveira, falou sobre a experiência do concurso. “Ser prenda do Rio Grande é, acima de tudo, amar esta terra”. Por fim, o músico Ângelo Franco apresentou uma composição em homenagem aos 40 anos do Concurso Estadual de Prendas do MTG, e em seguida interpretou o Hino Rio-Grandense.

Participaram da solenidade a coordenadora Estadual da Mulher, Maria Helena Gonzales; coordenadores, patrões, prendas e peões de regiões tradicionalistas, prefeitos e secretários municipais.

Histórico do concurso O regulamento da premiação foi aprovado em 1970, durante o XV Congresso Tradicionalista em Santiago. Já em 1971, no XVI Congresso Tradicionalista em Quaraí, foi eleita a mais linda prenda, quando as concorrentes foram avaliadas em testes sobre cultura, história e geografia do município, do RS e do Brasil, questões sobre folclore, tracionalismo e dissertação, além de provas artísticas de declamação, dança e música; Segundo os organizadores, após 1985, o concurso se desvinculou dos congressos e se tornou um evento de grandes proporções, tendo como sede o município ou a região que a primeira prenda do RS representa. (Matéria de Aline Tyska - MTB 13713 | Agência de Notícias 20:15 - 13/07/2010 Edição: Sheyla Scardoelli - MTB 6727)

A Acolhida do Palácio Farroupilha

Sob os olhares de Júlio de Castilhos, recebemos uma linda homenagem do Parlamento Gaúcho... Na noite de ontem, esteve presente, entre outras grandes prendas deste Continente de São Pedro, uma das idealizadoras do concurso de Prenda Mirim, Lídia Ceres Silveira (hoje Estrela) de Santa Vitória do Palmar, atualmente radicada em Pelotas. O nome dessa linda e elegante mulher diz tudo! Nossa estrela foi nossa voz! Tão verdadeira, radiante e doce! A cerimônia foi de grande emoção e lembranças... Ao som da música "Prenda", pudemos viajar no tempo e reviver momentos felizes e grandes realizações de todas nós. E, após a sessão de fotos com o que nem mais estávamos acostumadas, o coquetel foi mais uma oportunidade para congraçamento e troca de experiências. A Mais Linda Prenda do Rio Grande do Sul 1968, Nara Iná Ramos, radicada em Porto Alegre, dona de elegância digna de grande dama que é, foi também um dos destaques da noite. Obrigada ao Deputado Cherini, à Coordenadoria Estadual da Mulher, ao MTG e, claro, a todas que lá puderam estar presentes e se fizeram representar. Esperamos sinceramente que os contatos feitos possam aproximar todas nós ainda mais e que esta irmandade que se fortalece possa dar grandes frutos em prol do Movimento Tradicionalista Gaúcho e das tradições de nosso Estado. (crédito da foto Guerreiro/Agência de Notícias da AL)

terça-feira, 13 de julho de 2010

Trilha Sonora do Acendimento da Chama

Érlon Péricles será o responsável pela trilha sonora da cerimônia de 63º Acendimento da Chama Crioula em Itaqui, terra do compositor João Sampaio. Segundo o blog, ainda essa semana a canção será entregue aos coordenadores do projeto e estará à disposição de imprensa e interessados no site www.chamacrioula.com.

Se Deus quiser, lá também estaremos no mês de agosto, recebendo as Prendas do Rio Grande do Sul, realizando o Seminário sobre a Chama Crioula e, porque ninguém é de ferro, nos bastidores da gravação do Galpão Crioulo, que deverá ter também a presença do mimoso Elton Saldanha.

E neste fim-de-semana será o “Lançamento Oficial” do evento na histórica Fazendo do Itu. Aguardem a cobertura do blog!

Doula...Parteiras

Tive a oportunidade de conhecer Dona Franscisca, parteira. Ela contou que já fez mais de cinco mil partos. Segundo ela, é uma alegria trazer uma criança ao mundo. Francisca, uma jovem nos seus 85 anos: "a sociedade precisa conservar os valores de união, gratidão e muito amor ao próximo". Dona Francisca, emocionada, falou o que são as "Doulas" aquelas que acompanhavam partos e hoje voltam as atividades, exatamente para humanizar a chegada destes seres à terra, responsáveis pelo acompanhamento da mãe, durante os nove meses. Francisca encerrou nossa conversa/aprendizado dizendo: "é muito importante os seres pensarem no que dizem e nas atitudes que têm, justamente para que se criem humanos mais próximos uns dos outros e, acima de tudo, mais preocupados com o bem-estar dos demais".

segunda-feira, 12 de julho de 2010

Chasque Cleusa Dornelles...emocionante

A sempre coordenadora da 3ªRT e guerreira, Cleusa Dornelles, manteve contato conosco, neste instante. Emocionante! Cleusa falar que desde a infância aprendeu a verdaderia essência da música de raíz, da tradição missioneira de lutar e vivenciar a vida em sua plenitude. Gracias amada Cleusa! Em breve, ela estará aqui conosco, tropeando lá de Santo Angelo.

CTG Tiarayú é posto de coleta de óleo de cozinha!!!

NOTAS
Recolhimento de óleo de cozinha O DMLU abriu três novos postos de coleta de óleo de frituras. Já foram recolhidos 420 mil litros de óleo de cozinha usado. O material é reciclado. A expectativa do DMLU é chegar a 500 mil litros até o final do ano. Os novos postos ficam na Escola de Educação Infantil Amoreco (bairro Ipanema) e em outras duas escolas do bairro Rubem Berta (Escola Estadual 20 de Setembro e a Escola Estadual Santa Rosa). Fonte: Grupo de Apoio aos Projetos Sociais e Culturais CTG Tiarayú Maria Angélica Jardim Fraga Nos sentimos honradas pelo convivio. Vamos ajudar a Natureza.

Volteando datas

Neste 09 de julho comemora-se - 151 anos da morte de Domingos José de Almeida, o Estadista da República Riograndense, o mineiro seduzido pela fronteira Poucas cidades no Estado devem seu surgimento aos farroupilhas quanto Uruguaiana. Numa época em que a ocupação da região não passava de algumas fazendas espalhadas pelas grandes extensões de terra, coube ao farroupilha e ministro da Fazenda do governo de Bento Gonçalves, Domingos José de Almeida, a idéia de fundar um povoado estratégico na fronteira com a Argentina. Ao examinar o local para a instalação do novo povoado, Domingos José de Almeida escreveu, em 1841: "Oferece uma excelente posição militar que para o futuro poderá fazer grande peso na balança política e comercial com nossos vizinhos." Nascido em Diamantina, Minas Gerais, em 1797, Almeida migrou para o Estado ainda jovem, com 22 anos de idade, para conduzir tropas de mula a serem vendidas no centro do país. Encantado com a terra e a gente do Sul, o mineiro resolveu se instalar na cidade de Pelotas, onde logo abriu um escritório destinado à venda de charque para o centro do país e para o Exterior. Poucos anos depois, tornou-se proprietário de uma pequena charqueada às margens do rio São Gonçalo, o que fez dele um dos cidadãos mais prósperos de Pelotas nessa atividade. O professor Vanderlei Rodrigues comenta que um dos traços mais característicos de Almeida era sua convicção liberal. "Almeida acompanhava todos os movimentos de cunho liberalista que ocorriam no Brasil", explica o professor. Em 1822, tirou dinheiro do próprio bolso e custeou uma manifestação pública em Pelotas para comemorar a Independência do Brasil. Além de liberal, Almeida era homem preocupado com a escolaridade da população. Enquanto deputado na Assembléia Provincial, em Pelotas, lançou a campanha de alfabetização da Província de São Pedro do Rio Grande do Sul. O então deputado inconformava-se com o fato de o Paraguai contar com 408 escolas públicas e a província local não ter nenhuma. Começa a Revolução Farroupilha e Domingos de Almeida recebe uma tarefa dos amigos: organizar, além do parque bélico farrapo, na cidade de Pelotas, a fábrica de arreamento para a cavalaria. Os exércitos de deslocavam (Piratini, Caçapava, Alegrete), e ele movimentava os arquivos do governo e o seu arsenal pela Campanha gaúcha sempre em carretas. "Por isso a revolução era chamada de República das Carretas", diz o professor Vanderlei Rodrigues. Em 1840, diante do cerco das milícias imperiais aos farrapos, Almeida determina a criação de uma planta para a nova povoação que viria a ser Uruguaiana. Como ministro da Fazenda da República Riograndense, queria uma vila de apoio ao comércio com Buenos Aires. As forças imperiais haviam conquistado as cidades de Pelotas, Rio Grande e Porto Alegre, cortando o intercâmbio comercial desses entrepostos com o interior da Província. Em 1846, Uruguaiana é fundada. Almeida morreu aos 74 anos, em 1859, em Pelotas. Uruguaiana retribuiu seus gestos com uma estátua em praça pública. Fonte : Página do Gaúcho www.paginadogaucho.com.br Colaboração: Hilton Araldi e-mail : hiltonaraldi@gmail.com

sexta-feira, 9 de julho de 2010

Casa Nova

Depois de vários anos apresentando o programa "Coisas do Sul", o tradicionalista, cantor, compositor e apresentador Volmir Martins está de casa nova. Agora na Band, o laureado trovador receberá seus convidados todos os sábados, às 11h da manhã. A estreia será no dia 10 de julho (com informações de www.ritmosdosul.blogspot.com) Boa sorte, Volmir!

Zulma - Coordenadora da 19ª RT

Gracias pelo carinho. Esperemos, então, tuas respostas e conte, sempre conosco. Estamos orgulhosas por estares conosco, pois és uma guerreira junto a este Erechim de como dis a música "dos amores e saudades..."

quinta-feira, 8 de julho de 2010

Ainda os 40 Anos da Ciranda

Acima o convite para a homenagem dos 40 anos do Concurso Estadual de Prendas do Movimento Tradicionalista Gaúcho - MTG, a realizar-se às 18 horas e 30 minutos do dia 13 de julho de 2010, no Salão Júlio de Castilhos do Palácio Farroupilha, em Porto Alegre. Importante estarmos todas presentes, gurias! (com dados de "www.blogdoleoribeiro.blogspot.com")

Chasque do Tradicionalista Valdemar Engroff no Blog do Léo Ribeiro

Bueno! O Rio Grande não é grande por acaso, pois aqui temos e cultuamos as nossas tradições, que há muitos anos também rumaram para a cidade, junto com os jovens (em busca de estudos, trabalho e vida melhor). E faz tempo que esta tradição ultrapassou as nossas fronteiras estaduais e internacionais, pois onde está o gaúcho está o mate, a tradição e o galpão do CTG. E ultimamente, com o advento dos sítios da internet, blogs, a divul-gação do tradicionalismo gaúcho está a todo vapor. Com isso, no dia 23 de junho aconteceu oficialmente, a primeira postagem, o chasque inaugural no sítio (blog) O Rio Grande Delas, que é capitaneado por prendas do Rio Grande e como diz neste primeiro chasque, de apresentação.... “somos da capital, serra, litoral, fronteira, missões e centro do Rio Grande do Sul”. Aqui o vivente encontrará chasques do cotidiano gaúcho, poemas, cultu-rais, de música, eventos, entrevistas, etc. E por falar em entrevistas, não percam as dos candidatos à presidência do MTG Erivaldo Bertolini e Fábio Braga Matos, ambas publicadas no dia 6 de julho. E para tomar um mate a preceito, boleie a perna e acesse www.oriograndedelas.blogspot.com. Obrigada pela divulgação, companheiros!

Preocupação com as Lideranças do Futuro

É de conhecimento geral que a criação do MTG se deveu ao idealismo de um pequeno grupo de jovens visionários que, diante da falta de valores em que se encontrava a sociedade sul-rio-grandense, empreenderam uma caminha rumo à identidade do gaúcho, lançando os alicerces do Tradicionalismo Gaúcho. Mais, foi também a juventude tradicionalista que - através de um departamento criado e organizado para valorizar o jovem e que deu origem a muitos dos atuais dirigentes do Movimento - propôs a instituição do Troféu Farroupilha, nosso Entrevero Cultural de Peões, que se tornou um dos eventos de maior valor cultural na preservação dos usos e costumes do gaúcho.

No entanto, pelo que se vê do contexto em que nos encontramos, não se está dando a devida atenção às gerações futuras como conclamado por Lessa, de forma que se esvazia parte da fundamentação teórica do Tradicionalismo Gaúcho. Verifica-se que não basta oportunizar que o jovem tenha o direito de ser “prenda” ou “peão farroupilha”, temos, isto sim, que assegurar à juventude o direito de colaborar na gestão das entidades em conselhos, reuniões, congressos, seminários para que possamos exigir que dela emanem ações objetivas.

Disso também decorre uma consequência, se não se der a devida atenção às novas gerações de modo que traga o jovem mais diretamente a participar da tomada de decisões, estará o movimento tradicionalista não só deixando de lado um dos preceitos da tese de Lessa, como também, assinando a sua ata de extinção. Ou será que do contrário teremos líderes suficientemente experimentados para assumir a direção do Movimento no futuro próximo? (fragmento de texto escrito em janeiro de 2009, após o Congresso Tradicionalista de Canguçu)

Novo programa que promete marcar época!

Temos a imensa alegria de receber um chasque do músico tradicionalista Leandro Berlesi acerca do novo programa a integrar a grade do SBT a partir de 11 de julho. "Heranças do Sul", que já conta com chamadas na emissora, tem produção e direção do talentoso e inovador Ivo Shergl Júnior. A produção contará com apresentação de personagens tipicamente gaúchos interpretados por Leandro Berlesi (como Honório Pedroso), Miguel Castilhos (como Bolota), Pepeu Gonçalves (como Zéca Pivara) e César (Gabrielito Coxilhas). O programa irá ao ar todos os domingos, às 9 horas, substituindo o "Coisas do Sul" . Estamos curiosas para ver esse que, segundo os apresentadores, será um "programa diferente de tudo o q já foi feito na tv". É esperar para ver!

Um chasque missioneiro

Grande Tio BENJAMIM!!!!!! Grande presidente do nosso Movimento.... estás sempre em meu coração e nas minhas lembranças.... que Deus lhe conceda ainda muita saúde para seguir nesta caminhada..... Um beijo desta prenda que muito lhe admira.... Jana Schorr - Pimentinha

quarta-feira, 7 de julho de 2010

Que grandeza...Entrevista Homero Manini

Eis o exemplo de vida de Homero Manini. Ele vem lá de Lajeado com coração repleto de lembranças e a alma de uma pureza incomparável, pura e bela, assim como a terra que nos chama, a cada instante, a preservá-la.
1) Manini quando foste o diretor campeiro do MTG? Eu fui Diretor Campeiro na gestão do Presidente Andrade em 1993/94. Depois fiquei todos os anos da gestão do Feltrim. Logo após fui Diretor Campeiro da CBTG por mais dois anos.
2) Que história mais te marcou neste período? O que mais me marcou! Ah, foram várias coisas, as amizades que fiz. Mas sem dúvida a implantação e concretização da nossa FECARS – Festa Campeira do Rio Grande do Sul, com todos os seus regulamentos e provas. Lutamos muito para chegar onde deixamos, depois de 10 anos participando ativamente. Lembro bem, das viagens que fiz por todo o Rio Grande pesquisando e conhecendo os costumes, as lidas campeiras; a fim de construirmos os regulamentos e organizar este evento. Entende! Esta maneira do gaúcho, em provas dentro de uma pista, diante de um grande público. Lembro dos encontros de gerações participando das provas, a culinária diferente (as comidas típicas de cada região do Estado do Rio Grande do Sul), isto tudo dentro de uma mesma Cidade. Tinha os italianos, os alemães, os fronteiriços, os parecidos com portugueses, enfim... E as pilchas, que dificuldade para entendermos e mostrarmos da maneira mais original e do jeito do homem gaúcho.
3) Qual experiência tiraste deste período? Aprendi muito. Conheci muitas pessoas, humildes, influentes e muitas autoridades. Tudo isso me deixava feliz! Fazia porque gostava, tirava dinheiro do bolso sempre para trabalhar em eventos, como rodeios e festas campeiras em todo o Brasil. Deixa sim um conhecimento importante como à liderança, embora nunca tive o desejo do poder, do ser, nunca me candidatei a nada sempre fui convidado a fazer as coisas, a liderar grupos, tudo acontecia normalmente. Lembro do respeito como todos me tratavam, a confiança que as pessoas tinha em mim, pois dificilmente recebia contestações fortes.
4) Houve um afastamento teu do Movimento por que? Como em tudo na vida tem seu tempo, fiz muito, me dediquei demais, pelo Movimento Tradicionalista. Não tinha hora para eu viajar era noite, ou dia, eu cumpria horário e agendas. Mas tenho um casal de filhos, veja, até hoje eles têm cavalos e não sabem andar, não sabem pegar um cavalo, não sabem dançar, apenas o básico. Minha filha até ensaiou alguns passos no CTG, meu filho, se dedicou ao esporte foi basqueteiro de seleção Gaúcha, hoje cursa odontologia na UFRGS. Como são as coisas, não consegui trazer eles comigo, eles me levaram com eles. Com isto me envolvi em um clube muito grande em nossa cidade e fui convidado a ser presidente, fiquei por oito anos. Trabalhei muito, como de costume, você sabe bem né? Criamos muitas coisas boas para a Cidade, e achei que seria apenas um pequeno afastamento, mas acabei me afastando por completo das lidas do Movimento Tradicionalista. Sinto saudade disto tudo, juro que já pensei em voltar.
5) Que mensagem daria para os jovens a respeito da valorização do campeirismo? As pessoas que têm a origem e gostam do campeirismo são ecologicamente corretas por natureza. E neste mundo globalizado e informatizado o que mais se houve é sobre o meio ambiente. Assim, como toda humanidade a evolução e o progresso avançou muito, devemos ter o cuidado de conservar a nossa origem, as nossas coisas e costumes, sem estagnar o processo de crescimento. E pela sua pergunta, penso eu que não existe valorização do campeirismo, ainda existe a preservação do campeirismo, ou se tenta fazer isto. Podemos ver a diferença de tradicionalismo e campeirismo, pois este tema vai diretamente na origem de tudo, relacionado ao agropecuário, a máquina, a tecnologia invadiu os campos e as lavouras, os homens e mulheres deste meio são empresários do negócio rural. E por isto, penso que, o jovem não presenciou o campeirismo. Ouve falar e acompanha em festas e rodeios, não existem mais estâncias com marcação e castração, não existem mais domadores, não existem mais tropeadas e tropeiros. Tentamos fazer cavalgadas, rodeios e concursos. Mas fica a imagem e a história para passarmos às novas gerações principalmente através dos CTGs.
CONFESSO LEITORES, AS LÁGRIMAS VIERAM AO ROSTO. TEMOS QUE REFLETIR! NÃO PODEMOS DEIXAR QUE AS PESSOAS DEIXEM O MOVIMENTO, AFINAL, ELE É DE TODOS NÓS. MANINI, NÃO HÁ PALAVRAS PARA EXPRESSAR GRATIDÃO, CARINHO E DESEJO DE REVÊ-LO EM BREVE. FIQUE, AMIGO DO CORAÇÃO COM O AROMA DAS FLORES DO CAMPO E NA ALMA GUARDE ÀS AMIZADES QUE TRADUZISTE NO E-MAIL, NÃO SÓ TU QUE SENTES SAUDADE! SENTIMOS DE TI TAMBÉM!